12.10.12

Resilience








 Para postar algo sobre o dia da criança, escolhi a meu modo recolocar um link sobre uma capa de livro e um tema que falam sobre como podemos ficar mais fortes frente aos problemas gerados POR ou NA nossa infância. Gosto  demais de Boris Cyrulnik, um psicanalista francês e escritor, já ou vi uma video conferência dele na Casa do Saber. Pensei nele em frente de um comptoir de make, a palavra Resilience também é o nome de creme em pote, les amis... Mas pode ser também a resiliência, queridos leitores, que devemos desenvolver frente à várias decepções na vida. Temos várias , é claro, e conforme envelhecemos, não há pote miraculoso que nos devolva  a pele e energia que tinhamos antes.  Entendo que é necessário nos afastar dos traumas, somos todos sobreviventes deles, em menor ou maior grau. Boris diz essa frase muito linda em seu livro e tese: O que não me mata me deixa + forte. (Christopher Hitckens, o cético que já se foi, não gostava dessa frase, ele dizia que o que não nos mata agora nos mata depois:).
Já ouvi falar que para sermos mais felizes, devemos ver filmes e histórias mais tristes. Nem sei se acredito tanto nisso, às vezes acho o contrário, também. Histórias felizes me deixam mais feliz. Cremes me deixam mais confiante. Psicanalistas me devolvem meus sonhos. Bons amigos e belas mensagens me encorajam a ter + esperança. 

                                            HeddyD

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Featured Post

Jeans, cut it

Continuam na moda os jeans cada vez mais cortados e rasgados , são peças constantes nesse verão