28.3.12

Rothko em sampa



esse quadro de Mark Rothko não é vermelho, mas laranja. Adoro ele, e fico super feliz em saber que Jorge Takla está dirigindo a peça Vermelho com Antonio Fagundes no papel do pintor Mark, dessa vez atuando com o seu filho, Bruno, super talentoso, e que faz o seu assistente na peça. Baseada em uma peça super premiada da Broadway,  Red. Vermelho fala de um período específico da carreira do pintor entre 1958 e 1959, onde ele está fazendo uma série de paineis para o Four Seasons em NY, e dialoga com seu assistente.

Les amis, tem tanto a ver, a peça estreando no Tomie Ohtake(que tem muito de Rothko:  Antonio Fagundes no auge de sua carreira com seu insensato coração desta vez careca, envelhecido, pintando o sete ! Antonio ficou bem bravo para a Bravo que estará nas bancas em abril, foi todo esborrifado com spray vermelho,                                                        

 Aproveito esse link para falar de um livro que será lançado essa semana sobre a psicologia das cores nas artes: A COR NA ARTE, de JOHN GAGE. Editora Martins Fontes.


                                                         
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Featured Post

Jeans, cut it

Continuam na moda os jeans cada vez mais cortados e rasgados , são peças constantes nesse verão